Yellow Sounds #6 – Foo Fighters (1995)

Para a alegria dos foo-mates, Dave Grohl anunciou esta semana que o Foo Fighters gravou cinco novas músicas. E foi pensando nisso que eu escolhi um álbum dos caras para a coluna de hoje.

FF

Não é arriscar muito dizer que os Foos são uma das maiores bandas de rock da atualidade. Ainda assim, apenas um de seus álbuns está na listagem dos “1001 discos para ouvir antes de morrer”. Trata-se do primeiro e homônimo, lançado há 20 anos.

Acredito que todos saibam, mas vamos a um resumo da obra. Em uma experiência catártica após a morte do melhor amigo, Dave decidiu juntar algumas de suas composições e gravá-las sozinho, tocando todos os instrumentos, “só por diversão”. Ele distribuiu a fita demo a amigos e deu o nome de Foo Fighters para que não fosse logo taxada como a fita do “cara do Nirvana”. De mão em mão, a fita chegou à gravadoras e veio a se tornar o primeiro álbum da banda.

dave nirvanaÉ claro que, além de elogios, o álbum foi alvo de criticas e comparações com o Nirvana e o Nevermind. Apesar disso, o Foo Fighters nunca foi uma spin off da banda liderada por Kurt Cobain. É claro que Dave manteve naquela fita – e ainda mantém – influências da época em que era baterista de uma das mais importantes bandas da cena grunge mundial.

Para mim, porém, sempre esteve claro que o FF tinha autonomia e identidade suficientes para crescer desvinculado desse universo de comparações. Talvez por não ter vivenciado essa transição em tempo real.

A música de abertura do álbum, This Is A Call, é uma das poucas canções que não foi escrita ainda na época do Nirvana (as outras são I’ll Stick Around, X-Static e Wattershed). E foi após escrevê-la que Dave decidiu ir para o estúdio e gravar a tal fita demo.

É fato que a letra não é lá muito profunda, mas só o título já basta para perceber que king Grohl sentia que pertencia ao mundo da música e que a tragédia que colocou fim ao Nirvana não poderia também colocar fim à sua carreira.

This is a call to all my     (Isto é um chamado para todas as minhas)
Past resignations            (Renúncias passadas)
This is a call to all             (Isto é um chamado para todas)
This is a call to all my     (Isto é um chamado para todas as minhas)
Past resignations            (Renúncias passadas)
It’s been too long            (Faz muito tempo)

De todos os singles lançados, as já citadas This Is A Call e I’ll Stick Around são as mais famosas, ao lado de Big Me, que logo virou um dos hits da banda. Os outros singles foram For All The Cows e Alone + Easy Target.

Se você já é fã, sabe muito bem porque vale a pena ouvir o álbum completo. Se não é, fica aqui a recomendação para que você saiba melhor de onde o Foo Fighters veio, porque cresceu e se tornou uma das gigantes do rock mundial.

Vida longa ao Foo Fighters , mothe******s!

________________________________________________________________________________________

Lari Reis é jornalista, social media e viciada em música. Você pode (e deve) ver seus outros textos sobre música no seu longevo site Yellow Ever Shine e aqui no PontoJão semanalmente na coluna Yellow Sounds.

The following two tabs change content below.

lrmatta

Lari Reis é um ser de outro planeta que acredita que se transformará em purpurina roxa quando morrer. Até lá, passa o tempo tentando aprender algo sobre música.