Coluna | Vira a Página #43 – 80 anos de Superman e Guerra Infinita

Olá, pessoal! A nossa coluna quinzenal sobre novidades do mundo literário está de volta. As notícias de hoje serão sobre os 80 anos do Superman e um livro infinitamente interessante.

• Esta semana ficou marcada pelo aniversário de 80 anos do Superman. A comemoração ocorre por causa da aparição do último filho de Krypton na revista Action Comics em 18 de abril de de 1938. Por conta disso, a DC Comics aproveitou a oportunidade para divulgar não só homenagens como as novidades relacionadas a esta data comemorativa.

Alguns dias antes, a editora postou um vídeo no Twitter mostrando a evolução do “S” do Superman desde a sua primeira aparição em Action Comics #1 até o número #1000.

Também foi lançada a edição 1000 da Action Comics e entre as suas histórias está “The Car“, que dá continuidade a história que deu origem a primeira capa da HQ onde Superman destrói um carro. Geoff Johns cuida do roteiro ao lado de Richard Donner (diretor do clássico de 78 estrelado por Christopher Reeve). Os desenhos de Olivier Coipel remetem ao estilo da época, reproduzindo até o primeiro uniforme do herói. Nesta mesma edição, há a estréia de Brian Michael Bendis como roteirista de “Homem de Aço”. Na publicação há uma história com 12 páginas onde ele enfrenta um novo vilão chamado Rogol Zaar, que revela ter destruído Krypton.

superman

De todas essas novidades interessantes, a que mais pode chamar atenção é a sobre a destruição do planeta natal do Superman. Além de ser um retcon muito arriscado e com potencial para grandes mudanças na vida do herói é possível que isso crie muita polêmica depois. Por outro lado, Bendis tem credibilidade como roteirista e merece toda confiança em seu novo trabalho. Os fãs terão que ter paciência já que os roteiros dele levam um tempo um pouco maior para desenvolver todas as tramas que ele promete. Sobre os 80 anos do super-herói mais icônico de todos os tempos, vale também destacar a falta de oportunismo da Warner em não lançar a sequência de “Homem de Aço” neste ano. Alguma noticia referente a isso seria bom, pelo menos para não deixar evidente a falta de confiança em suas próprias adaptações.

• Quando o assunto é adaptação de quadrinhos para o cinema, nenhuma é tão esperada quanto “Vingadores: Guerra Infinita”. E com a estréia cada vez mais próxima, a Marvel aproveitou para agitar o marketing do filme de um modo diferente. Foi divulgada a capa de “Thanos – Titan Consumed”, de Barry Liga. O livro vai revelar o passado e as motivações do vilão que será a principal ameaça do filme. A publicação será lançada em 20 de novembro nos EUA. No Brasil, ainda não há data de lançamento. Segue a sinopse:

Espaço. Realidade. Mente. Poder. Tempo. Alma.

Antes da criação, existiam seis singularidades. Então o universo explodiu em sua existência e o que sobrou dessas ‘singularidades’ tornou-se uma espécie de metal…

As Jóias do Infinito

Apenas seres com um imenso poder podem conter essas jóias, mas para aqueles que são dignos, os poderes de um Deus aguardam.

Thanos é um desses seres. Mas nem sempre foi.

Nascido em um mundo condenado e excluído de seu povo por conta de seu gênio, físico e ideias monstruosas, porém pragmáticas, Thanos está determinado a salvar a galáxia do mesmo destino de seu planeta natal… não importa quantas milhões de pessoas precisem morrer.

Descubra a origem do principal vilão dos Vingadores, dos Guardiões da Galáxia, do Doutor Estranho e do Pantera Negra – um vilão cujo um grupo de herói unidos para batalhar as batalhas que ninguém mais poderia, irá falhar em parar.

Temam. Fujam. Mas o destino sempre chega.

Thanos está aqui

 

O ponto mais inusitado desta noticia é que ela destoa, de certo modo, de outras publicações Marvel relacionadas a filmes. Afirmo isso com base no habitual da editora, que é publicar histórias derivadas das adaptações do cinema, principalmente para aumentar o hype pré-estréia. O fato de ser um lançamento próximo do final do ano também chama a atenção por causa de “Vingadores 4”. Mesmo não tendo trama ou subtitulos revelados, o próximo filme certamente trará efeitos dos eventos ocorridos em “Guerra Infinita”. Por conta disso, há a possibilidade do livro ter algumas pistas. De certeza mesmo, só o fato de que a obra prova mais uma vez demonstra a visão de negócio da Casa das Ideias em capitalizar em cima de suas produções. Só nos resta torcer para que seja uma leitura interessante sobre um vilão que em breve terá a oportunidade de ser um dos maiores das adaptações de quadrinhos.

Confira todas as nossas críticas sobre os filmes das Fase 1 e 2 da Marvel Studios.

 


Marcus é redator no site Leituraverso e um dos hosts do podcast Leituracast.


Pessoal, novidade – entre no nosso grupo secreto no Facebook para interagir com autores e outros leitores e também no grupo do Telegram!

The following two tabs change content below.
Host do Leituracast, redator do site Leituraverso e autor da coluna Vira a Página.