Valente (2011-2016)

“Levado por seu coração, Valente vinha voando alto, nas últimas semanas. Até que a dura realidade o fez cair. Agora, com seus pés no chão, ele deve se levantar (como aprendeu nos filmes do Rocky Balboa) e aprender a andar, novamente.”

valente 26 cor (1).jpg

Se você lê quadrinhos, gosta dos filmes clássicos, joga RPG ou videogame, você irá se simpatizar muito com Valente, não só por compartilharem os mesmo gostos, mas provavelmente também os mesmo problemas. Valente é uma série que está sendo escrita e desenhada pelo brasileiro Vitor Cafaggi (Turma da Mônica: Laços), nos entrega uma espécie de auto-biografia satirizada e romanceada com animais vivendo uma vida normal como a nossa, e com dilemas como os nossos.

valente021

Valente é um cachorro que acompanhamos sua transição do final do Ensino Médio até a faculdade. Ele tem seu melhor amigo para jogar videogame e desabafar, seu grupo de RPG para esquecer deste mundo e participar de outro e até mesmo uma amiga para entregar suas palavras de suprema sabedoria. Como já pode imaginar, Valente não é muito bom com garotas (geralmente este coquetel de RPG, videogame, quadrinhos e filmes não traz um bônus em destreza com mulheres). Inocente e inexperiente, acaba se apaixonando e se machucando facilmente, e cada situação com seus “amores” é uma nova experiência que o faz precisar de ajuda.

image description

Vitor consegue fazer as tirinhas de forma muito dinâmica fazendo com o leitor fique cada vez mais curioso para saber o que acontecerá na próxima página. Suas sacadas de como expressar os sentimentos de Valente sem palavras são muito criativas e engraçadas, o humor é muito bem posicionado e bem feito – e até mesmo um humor (auto)depreciativo é usado com o cãozinho.

valente-147-cor.jpg

Não estamos falando de nenhum super-herói lutando contra vilões, mercenário matando homens maus com violência, discussões filosóficas sobre vida e universo: Vitor entrega uma história simples de um adolescente passando por problemas de adolescentes. Uma excelente recomendação para dias ocupados de uma vida de adulto, para chegar em casa e sentir aquele sentimento nostálgico, se lembrar de como os problemas daquela época eram tão mais puros e simples.

The following two tabs change content below.

caiosantanasilveira

Professor, fotógrafo, sashônico, randômico e Mestre das Orcas às terças-feiras