Primeiras Impressões: “Doctor Who” – 9ª Temporada (2015)

A longevidade de Doctor Who é algo que intriga algumas pessoas. Como uma série sobrevive no imaginário popular durante tanto tempo? Enquanto esperamos uma tese de doutorado acerca do sucesso da série e o lançamento do parque de diversões com áreas temáticas, a BBC estreou no último final de semana o primeiro episódio da nona temporada de Doctor Who.

Perdido em um planeta, o Doctor mais uma vez se encontra com alguém do seu passado que o atormenta e decide fugir. Mas tudo que vai, volta: anos após o encontro, chegou a hora do Doctor reviver o passado e se redimir.

A nona temporada, segunda com Peter Capaldi como Doctor, já retorna em um ritmo acelerado. Após uma cena de batalha e um nome tão forte a ponto de arrancar um suspiro de quem assiste, nos deparamos com mais um problema na Terra. Clara Oswald (Jenna Coleman), que estava lecionando no momento, pede para seus alunos procurarem no Twitter o motivo de todos os aviões do mundo estarem paralisados no ar, mas após uma ligação da UNIT, Kate Stewart (Jemma Redgrave) e Clara descobrem o motivo que causou a pane: Missy (Michelle Gomez).

miossyOs efeitos da série estão de encher os olhos. Depois que a série chegou às telonas com o especial de 50 anos, “The Day of the Doctor”, a BBC poderia passar todos os episódios seguintes no cinema. Os efeitos, a direção, a edição e trilha sonora estão cada vez melhores; para quem acompanha a série clássica, ou mesmo desde ínicio da New Who em 2005, é de espantar o quanto a emissora investe atualmente na série.

As atuações estão um espetáculo à parte. Peter Capaldi está muito mais à vontade no papel de Doctor e seus textos e diálogos ainda continuam com a característica dessa regeneração: mais sério, calculista e o objetivo. E isso torna todas as experiências interessantes, desde sua impressão sobre as coisas ao seu redor a seu vínculo com Clara, que nesta temporada está melhor do nunca, sem esquecer é claro de sua relação conturbada com Missy. O tom sério de Capaldi é aliviado com piadas muito boas e cenas inacreditáveis, como Doctor em cima de um tanque de guerra tocando guitarra (com trechos de Pretty Woman) e ensinando soldados medievais a falar “Dude”.

CAPALDAOJenna Coleman já confirmou que esta é sua última temporada como Clara Oswald e, até seu desfecho, Jenna vai nos proporcionar muitas boas cenas. A personagem está mais firme, mais objetiva, bem diferente de toda aquela insegurança presente em parte da temporada anterior. Devido aos acontecimentos da season finale da oitava temporada, agora Clara está mais sóbria e firme, tanto ela quanto seu Doctor nos passam exatamente isso em cena.

Falando em oitava temporada, quem arrancou suspiros e “sugou mentes” da audiência, sem dúvidas foi Missy. Eterna “melhoramiga-piorinimigo” do Doctor, essa versão do Master está surpreendendo cada vez mais, graças à brilhante atuação de Michelle Gomez. A atriz nos passa toda a loucura do personagem que conhecemos com John Simm na época do décimo Doctor, seus diálogos, sua ferocidade e seu senso de humor são exaltadas pelo competente trabalho da atriz, que tem um carisma que supera de todos os outros em cena. Seria a hora da BBC pensar em uma regeneração do Doctor do sexo feminino?

hey missyA novidade nesse ano é a volta dos arcos por episódios: dos 12 episódios encomendados pela BBC, 10 são episódios de duas partes, uma estratégia para aumentar a audiência, a solução para evitar o estilo “aventura da semana” ou a volta de um modelo mais seguro para contar uma trama? A resposta teremos apenas em novembro, ou quem sabe no especial de natal, que já tem River Song confirmada, mas não fica dúvidas de Doctor Who aguenta fácil mais 50 anos.

Obs.: A BBC lançou um teaser que serve de prequel para a trama de “The Magician’s Apprentice”, primeiro episódio dessa nova temporada. No teaser, Doctor fica nervoso por não conseguir meditar (me identifiquei MUITO).

The following two tabs change content below.
Do cult popular ao pop culto: PontoJão é o lugar para você ir além do senso-comum. Seu ponto além da curva.