Game of Thrones: 7ª temporada – Teorias e Review de “Dragonstone”

“Game of Thrones: 7ª Temporada”: essa é a palavra-chave não só para o nosso texto, mas para toda uma cultura pop que se movimentou para receber o penúltimo ano de um dos maiores fenômenos televisivos deste século. Agora o primeiro episódio chegou, e estamos aqui para dissecá-lo com você. Assim sendo, esse texto contém SPOILERS do episódio 7×01, “Dragonstone”.

Lannisters, Starks ou Targaryen: seja qual for sua casa, a nova e aguardada temporada da série chega impressionando a todos e abrindo as portas de todos os núcleos para uma temporada gloriosa e épica a cada um. Cersei se estabelece no trono, Arya estende sua vingança, Jon planeja seus próximos passos como Rei do Norte e Daenerys recupera seu lar. Os personagens só crescem e toda decisão que fizerem afeta toda a Westeros – e nós, os meros fãs na Terra. Vamos passar por alguns dos personagens deste primeiro episódio de “Game of Thrones: 7ª Temporada”, comentando o que vimos e o que podemos esperar deles nesse penúltimo ano da série.

 

Daenerys Targaryen & Tyrion Lannister

Game of Thrones 7ª Temporada

O que vimos: a dupla mais amada de “Game of Thrones” não apareceu muito nesse primeiro episódio, porém seu exército está pronto para o ataque, tomando pacificamente o castelo em Pedra do Dragão. Recente fortaleza de Stannis Baratheon antes deste partir para o norte, Pedra do Dragão também é o local de nascimento de Daenerys, além de ser simbólico por ser a base a partir da qual Aegon Targaryen, o Conquistador dos Sete Reinos, planejou sua tomada e controle de toda a Westeros.

O que esperar: o exército de Daenerys significa muito para a guerra que se aproxima – e com certeza seus dragões também são um adicional importante. Não é à toa que Daenerys não para no trono de Pedra do Dragão – destinado aos príncipes de Westeros -, indo diretamente para a sala da mesa que Aegon esculpiu para tomar o continente. Daenerys está pronta para jogar “o grande jogo” e retomar o trono que é seu por direito.

Quanto à um dos estrategistas mais amados da cultura pop, o futuro de Tyrion também promete muito. Graças à teoria de que Aegon Targaryen teria engravidado Joanna Lannister, fazendo de Tyrion um bastardo Targaryen, podemos ver uma das mentes mais brilhantes dos Sete Reinos montando em um dos dragões logo. Dessa forma, o “dragão teria três cabeças”, sendo elas representadas por Daenerys Targaryen, Jon Snow-Targaryen e Tyrion Lannister-Targaryen. Já pensou?

 

Jon Snow & Sansa Stark

game of thrones: 7ª temporada

O que vimos: o antigo bastardo e agora Rei do Norte está preocupado com os Outros, mas deve também se preocupar com os inimigos do sul. Sansa está de olho no trono de Jon e está sendo bem mais ativa nas decisões de seu irmão. Petyr Baelish, o Mindinho, parece querer usar isso a seu favor, voltando Sansa contra Jon para disputarem o poder pelo norte, para estar ao lado de Sansa quando ela ganhar.

O que esperar: as visões de mundo de Sansa e Jon claramente se construíram de forma bem diferente durante esses anos de exílio que eles viveram. Sansa, ao lado de Mindinho, se tornou sagaz, calculista e prática, enquanto Jon teve sua honra e justiça postos à prova diversas vezes enquanto esteve na Muralha. Essas duas concepções de governo já geraram fricções no primeiro episódio, e é possível que isso se acirre ao longo da temporada. Difícil acreditar que um vai chegar ao ponto de destronar ou matar o outro, mas é razoável acreditar que isso pode levar a uma cisão real de poderes no Norte em um futuro próximo, separando os partidários de Jon (que agora certamente incluirão os Umbers e os Karstark) daqueles que preferem a forma de Sansa governar.

 

Sam Tarly

game of thrones: 7ª temporada

O que vimos: mesmo com uma rotina meio bosta (literalmente), vimos que Sam vai ser o elo crucial que empurrará Jon na direção de Daenerys! (Com exclamação mesmo, finalmente chegamos nesse ponto!) Depois de muita pesquisa na Cidadela, Sam descobriu e corre para avisar que há literalmente uma montanha de Vidro de Dragão – ou obsidiana – sob Pedra do Dragão… Que é onde Daenerys está.

O que esperar: além de futuro braço direito e conselheiro principal do Lorde Comandante da Parada Toda, Sam vai ser fonte de conhecimento (e de “momento explicação”) na série. Além disso, fica obscuro o que mais o arco de Tarly reserva para ele.

 

Arya Stark

Game of Thrones: 7ª Temporada

O que vimos: a jovem Stark demonstra muito do seu poder neste episódio, assassinando um exército inteiro sem perceberem até que fosse tarde demais. Vemos que Arya não só conseguiu alguns rostos com o Homem Sem Face mas também aprendeu a mudar sua voz, além de conseguir criar seus próprios rostos a partir de suas vítimas.

O que esperar: essa quantidade de poder lhe dá a possibilidade de ser como o seu antigo mestre Ninguém, mas com o foco na vingança, aniquilando todos os nomes de sua lista (isso se ela não adicionar mais). É difícil ela chegar na Cersei antes que os seus inimigos cheguem primeiro, como Daenerys ou até mesmo Jamie, mas habilidade para tal, ela agora tem. Tanto para os Starks quanto para os roteiristas, Arya certamente é um ás na manga em “Game Thrones: 7ª temporada”.

 

Cersei & Jamie Lannister

Game of Thrones 7ª Temporada

O que vimos: a nova rainha dos “Sete” Reinos, Cersei Lannister está se esforçando para manter o poder e controle a partir do Trono de Ferro, o qual antigamente seria a maior potência de Westeros. Agora, contudo, como ela mesma admitiu, Cersei está cercada de inimigos; sul, norte, leste e oeste: todos querem destrona-la. Apesar de ter reconhecido sua posição na última temporada e ter trabalhado em cima disso para destruir todos que se opunham a ela de uma vez só, seus discursos como rainha mostram que ela ainda se sente no topo do mundo. Jamie tenta lhe trazer para baixo e se mostra bem mais abalado pela morte dos filhos do que a própria mãe das crianças.

O que esperar: sua arrogância ainda pode ser sua maior fraqueza, sempre acreditando que está por cima de todos, embora suas forças reais não sejam mais equiparáveis ao poder que acredita ter. Com promessas de trazer poderio militar naval para Porto Real, Euron Greyjoy (que promete ser o babaca-mor desta temporada) chega com toda pompa, circunstância e sarcasmo defronte ao Trono de Ferro. Podemos esperar uma aliança diabólica entre esses dois cruz-credos, com Jamie se opondo fortemente à esta união – uma que pode ser inclusive matrimonial.

Além disso, nos livros e na série é citada uma profecia na qual o irmão mais novo trará a morte de Cersei – por estrangulamento, por sinal. Cersei sempre acreditou que a profecia se referia a Tyrion, o irmão mais novo. Algumas teorias, no entanto, dizem que Tyrion é um Targaryen, de forma que essa possibilidade é tirada de jogo. No livro, se especifica muito o fato que Jamie nasceu depois de Cersei, mesmo sendo irmãos gêmeos. Jamie se mostra um pouco assustado com o que sua amada se tornou após os acontecimentos com sua família. Será que agora, em plena “Game of Thrones”: 7ª Temporada, veremos Jamie enforcando sua irmãzinha? Não seria a coisa mais bizarra que os dois já fizeram.

*

A promessa de grandes guerras nessa temporada nos deixa animado. Todos os pontos cardeais estarão em combate, além das tramoias que agora são feitas em apostas muito mais altas. Além de uma grande construção em personagens “menores”, que já se provaram ser importantíssimos para enormes mudanças em Westeros – um lugar louco onde um javali mata um rei e uma bruxa querendo vingança envenena Khal Drogo. É verdade que o Trono de Ferro não tem mais Sete Reinos, mas certamente temos grandes expectativas para estes apenas sete episódios em Game of Thrones: 7ª Temporada.

***

Quer debater com a gente? Comente no post abaixo, ou no nosso grupo do Telegram! Fique ligado na nossa página no Facebook, no Twitter e, caso queira mais sobre “Game of Thrones”, clique aqui.

The following two tabs change content below.

caiosantanasilveira

Professor, fotógrafo, sashônico, randômico e Mestre das Orcas às terças-feiras