Friends – Por Que Os Fãs Tanto Pedem um Reencontro?

Já faz 12 anos desde que vimos pela última vez Ross, Rachel, Joey, Chandler, Phoebe e Monica entregarem as chaves do apartamento em uma das cenas mais memoráveis e emocionantes de Friends. Todos nós que amamos séries sabemos como é difícil quando uma série que gostamos e acompanhamos durante tanto tempo (às vezes até tempo demais) termina e ficamos órfãos daqueles personagens e daquelas histórias. Na maioria das vezes o tempo passa, novas séries surgem e outras ficam apenas na memória. Mas o que eu ainda ouço muita gente perguntar é: por que mesmo depois de tanto tempo, os fãs ainda anseiam por um reencontro dos atores de Friends?

friends_final_episode

Estreando pelo canal americano NBC e com uma audiência de aproximadamente 22 milhões de espectadores no primeiro episódio, Friends viria a ser uma das sitcoms de maior sucesso, ao lado da sua predecessora Seinfield. Acompanhar a jornada daqueles seis amigos, se ver inserido nas suas histórias, testemunhar situações engraçadas do cotidiano e o carisma dos atores foram alguns dos fatores que fizeram com que uma legião de fãs se apaixonasse pela série. As idas e vindas de Ross e Rachel (“We were on a break!”), os papéis inacreditáveis de Joey Tribbiani, as piadas cretinas do Chandler, as mil manias de Monica Geller e ainda, quem não se lembra de “Smelly Cat” de Phebe Buffay? Todos estes elementos são marcantes para a história da série.

Friends - Season 1

A grande maioria das cenas da série é ambientada nos mesmo cenários, que se tornaram emblemáticos ao longo dos anos. Detalhes, como a moldura da porta no apartamento da Monica, a cor lilás vibrante nas paredes da sala ou os tons de marrom aconchegantes do Central Perk, tudo é feito de forma simples e facilmente reconhecível para quem assiste, causando aquela sensação de fazer parte daqueles lugares e da vida daqueles personagens. É claro que existem vários episódios marcantes fora desses ambientes conhecidos. Quem não se lembra de Ross trocando Emily por Rachel na cena do casamento no final da quarta temporada, que se passa em Londres, ou a primeira noite de Chandler e Monica em Las Vegas no final da quinta temporada? São tantas cenas memoráveis, que dariam um texto só pra isso.

apartment

É bem verdade que mesmo fazendo o sucesso que fez, e faturando 1 milhão de dólares por episódio em suas últimas temporadas, os atores não emplacaram grandes papéis após o fim da série. Jennifer Aniston talvez tenha sido quem mais se destacou, com vários papéis em comédias românticas e alguns dramas, inclusive tendo sido indicada ao Globo de Ouro em 2014 por Cake: Uma Razão Para Viver. David Schwimmer estreou recentemente seu papel na série American Crime Story e Matt LeBlanc vem protagonizando a série Episodes, que vai para sua quinta temporada pelo canal Showtime.

Várias notícias de que um filme seria feito marcando o reencontro dos personagens nunca saíram do papel de fato. Em uma entrevista dada pela atriz Courteney Cox no ano passado, ela afirma que o projeto “não vai acontecer”. Recentemente foi divulgado um especial que vai reunir cinco dos seis integrantes do elenco (Matthew Perry não poderá participar devido a conflitos de agenda). Será a maior reunião já feita entre eles, antes já havia rolado uma participação especial de Cox, Aniston e Kudrow no programa do Jimmy Kimmel, em Agosto de 2014.

Toda essa expectativa gerada desde o fim da série, somada à falta de papéis marcantes dos atores, fazem nós fãs ansiarmos por um reencontro, destes que fizeram partes das nossas vidas ao longo de 10 anos – tornando-se, assim, mais do que meros personagens atrás das câmeras, mas nossos amigos.

________________________________________________________________________________________

Márcio Corrêa é estudante de Jornalismo & Publicidade, tem Taxi Driver como filme da vida, gostou de Lost até o final (!) e Demolidor & Batman são a prova de que é possível gostar de Marvel e DC ao mesmo tempo.

 

The following two tabs change content below.

erikavilez

Erik (sem C) é escritor, roteirista e dançarino de hula profissional lá fora. Aqui dentro, Erik é redator-chefe e comercial do site, além de criador, host e editor do PontoCast, o podcast carro-chefe da casa.