Coluna | Vira a Página #65 – A Marvel após Ultimato e a Batwoman na tv

Essa semana, o futuro de Marvel e DC em outras mídias se tornou pauta no noticiário nerd. Enquanto a Casa das Ideias começa a plantar as sementes para seu próximo filme a sua concorrente investe em nova série protagonizada por uma heroína urbana.

Essa semana o ator Jake Gylenhaal, que interpretará o “vilão” Mysterio em Homem-Aranha: Longe de Casa, esteve no The Ellen Show. No programa, foi exibido o novo trailer do filme e uma cena em particular chamou atenção dos fãs. Nela, seu personagem explica para Peter Parker que existe um multiverso e que e ele vem da Terra 833 enquanto o alter-ego do Homem-Aranha é da dimensão 616. Apesar disso, ainda não há nada que confirme essa afirmação e tendo em vista que nos quadrinhos Mysterio é um vilão é bem que provável que ele esteja enganando a todos. Por outro lado, esta continuação será a primeira produção após Ultimato e tendo em vista os acontecimentos do quarto filme dos vingadores existe a possibilidade do multiverso ser real no Universo Cinematográfico da Marvel.

Marvel

Uma notícia como essa certamente deixa os fãs do amigão da vizinhança animados para as várias possibilidades de um multiverso sendo trabalhado no UCM, ainda mais levando em conta que neste mesmo ano fomos presenteados com Homem-Aranha no Aranhaverso. Por esse motivo, fica a expectativa para que Mysterio não seja um vilão e sim um aliado que pode abrir portas para que futuramente vejamos outras versões live action do escalador de paredes. Inclusive, depois que essa cena foi apresentada muito se comentou que talvez algum dia vejamos um crossover entre Homens-Aranha de diferentes realidades. Por enquanto, só nos resta esperar por respostas que chegarão em um futuro não tão distante.

Links relacionados:

Falando em futuro, temos a noticia de que CW oficializou a série da Batwoman. Não só o episódio piloto e a primeira temporada foram aprovados como também foi liberado o teaser e a sinopse oficial: “Armada com uma paixão pela justiça social e um talento para falar o que pensa, Kate Kane (Rose) voa pelas ruas de Gotham como a Batwoman, uma lutadora de rua lésbica e altamente treinada preparada para acabar com o ressurgimento do crime na cidade. Mas não a chame de heroína ainda. Em uma cidade desesperada por um salvador, Kate deve superar seus próprios demônios antes de aceitar o chamado para ser o símbolo de esperança de Gotham.” Até o momento, ainda não há data oficial de estreia.

Em primeiro lugar, é sempre importante lembrar que a Batwoman apareceu primeiramente em Elsewords. Para quem não sabe, trata-se do crossover que reuniu Flash, Arqueiro Verde e Supergirl em uma aventura que mais serviu para divertir o público e referenciar o multiverso da DC Comics na tv do que para contar uma boa história. Apesar disso, a participação da heroína de Gotham foi interessante e deixou muitos fãs curiosos para saber mais a respeito dela. De qualquer modo, ela já está agregando mais força ao elenco feminino de heroínas nas séries de tv. Fica agora a torcida para se tornar mais uma produção de sucesso ambientada no mesmo universo do Batman assim com Gotham e Titãs. Pensando nisso e  observando o passado recente, não há dúvidas que o futuro parece promissor.

Leia mais:

Marcus é redator no site Leituraverso e um dos hosts do podcast Leituracast.


Gostou do texto? Gosta de escrever também? Seja um colaborador do PontoJão! Entre em contato conosco pelo Twitter, pelo grupo do Telegram ou mande um e-mail para contato@pontojao.com.br