Coluna | Vira a Página #64 – Pantera Negra 2 e as novas heroínas da Marvel

Atualmente, a Marvel vive momentos diferentes nos quadrinhos e no cinema. No seu ambiente natural, popularmente conhecido como Casa das Ideias, a editora apresenta novas heroínas de uma forma diferente. Já em seu universo cinematográfico, especula-se quem estará (ou não) na continuação de Pantera Negra.

A Rainha de Wakanda?

Em entrevista ao Entertainment Weekly durante a première de Vingadores: Ultimato, a atriz Letitia Wright comentou que a sequência de Pantera Negra dependerá do que acontecer em Vingadores: Ultimato. Afinal de contas, o que pode acontecer neste filme terá impacto na próxima fase do Universo Cinematográfico da Marvel. Inclusive, uma das perguntas feitas para a intérprete da irmã do rei de Wakanda é sobre a possibilidade de Shuri se tornar a sucessora dele no cinema assim como já aconteceu nos quadrinhos em um arco que contou com roteiro de Reginald Hudlin e arte de Ken Lashley em 2009. Atualmente, nas HQs a personagem estrela a sua própria revista solo com história de Nnedi Okorafor e arte de Leonardo Romero.

Por enquanto, Vingadores: Ultimato é o assunto do momento e, por isso, qualquer coisa sobre o futuro da Marvel no cinema continua no campo da especulação. Inclusive, vale lembrar que anteriormente circularam rumores de que a personagem fosse se tornar uma espécie de versão da Ironheart (Coração de Ferro). Para quem não conhece, trata-se de uma heroína que substituiu o Homem de Ferro nas HQs após os eventos de Guerra Civil 2. Uma decisão editorial que meses depois estaria nas discussões em torno da crise da editora, algo que já comentamos no PontoCast Extra 16. De qualquer modo, acaba se tornando uma ideia interessante imaginar a possibilidade de Shuri algum dia assumir o manto do Pantera Negra. Como isso já aconteceu nos quadrinhos, não seria nada forçado pois se trata de uma passagem de manto que é algo bem comum nos quadrinhos. Além disso, ela estaria acrescentando ainda mais força feminina a este universo cinematográfico cheio de grandes heroínas como Capitã Marvel e Viúva Negra.

Links relacionados:

A Deusa que virou Valquíria e a vigilante secreta

Outra personagem feminina que também esteve envolvida na mesma polêmica que a Coração de Ferro foi a Thor/Jane Foster. Apesar de não ser mais a portadora do Mjölnir, Jane continua sendo lembrada nas HQs como personagem relevante e isto pode ser visto no anúncio que a Marvel fez recentemente. Segundo a editora, em julho será lançada a HQ Jane Foster: Valkyrie que será ambientada após os eventos da atual saga, War of the Realms (Guerra dos Reinos), e mostrá a personagem se tornando uma Valquíria. Jason Aaron e Al Ewing serão responsáveis pelo roteiro que contará com artes de Cafu.

Uma noticia parecida com essa pode ser encontrada na quinta edição da revista Miles Morales: Spider-Man. Enquanto Miles investiga a gangue Lápide, ele descobre que seus inimigos foram nocauteados por uma mulher misteriosa com visual tecnológico que lembra o Falcão/Sam Wilson. Ela se apresenta como Starling e até o momento não se sabe muito sobre ela, mas ao que tudo indica pode se tratar de uma nova vigilante.

 

Enfim, sobre essas duas noticias só posso comentar que a Marvel continua trabalhando suas personagens femininas de forma interessante. Fica a expectativa para que algo assim se mantenha e até se multiplique ao invés de ser apenas mais uma fase (ou aposta).

Marcus é redator no site Leituraverso e um dos hosts do podcast Leituracast.


Gostou do texto? Gosta de escrever também? Seja um colaborador do PontoJão! Entre em contato conosco pelo Twitter, pelo grupo do Telegram ou mande um e-mail para contato@pontojao.com.br