Coluna | Vira a Página #59 – Aquaman e Marvel & DC

Homenagem da concorrente

Pelo visto o nome de Stan Lee não sairá do noticiário nerd tão cedo. Depois de ser homenageado na mais recente saga do Homem-Aranha, ganhar homenagem nas redes sociais da própria Marvel e de vários artistas, agora chegou a vez da DC Comics reverenciar o lendário co-criador de super-heróis em suas revistas. Nas HQs que chegarão às bancas americanas esse mês, haverá uma mensagem que referencia não só a rivalidade entre Marvel e DC como também o clássico bordão utilizado por Lee. Um claro exemplo de profissionalismo e respeito. Inclusive, vale lembrar que o próprio Stan Lee já fez algumas colaborações com a editora reimaginando heróis icônicos como Batman, Superman e Mulher-Maravilha na série de HQs intitulada Stan Lee’s Just Imagine…

Fonte: DC Comics. “Com o máximo respeito, da Distinta Concorrência, Excelsior. Em memória de Stan Lee 1922-2018”.

Links relacionados:

Elogios da concorrência

Ainda sobre as relações entre editoras, vale destacar outra noticia interessante. É que C.B. Cebulski, o editor-chefe da Marvel Comics, elogiou o novo filme do Aquaman pelo twitter. Segundo ele, o filme é divertido e o espetáculo o fez se sentir “como uma criança no cinema”. Cebulski encerra o tuíte enviando seus aplausos para Geoff Johns, Jim Lee e James Wan. Novamente, este é um exemplo de como a rivalidade entre Marvel e DC é respeitosa. Que isso, assim como o heroísmo dos personagens icônicos de ambas, inspire mais pessoas a fazerem mesmo.

Ultrapassando a Amazona

Segundo notícia publicada no Legião dos Heróis, a bilheteria de Aquaman já ultrapassou a de outro grande sucesso do estúdio: Mulher-Maravilha. Em 2017, o filme solo da Amazona atingiu a marca de 821 Milhões de dólares. Já a primeira aventura do Rei dos Mares fez mais de 200 Milhões de dólares nos EUA que somados com os números das bilheterias internacionais chegam a marca de 822 Milhões de dólares. Apesar disso, ainda não há uma sequência oficialmente confirmada ou a certeza que James Wan poderá voltar para o cargo de diretor. Bom, com todo esse sucesso, torcemos para que a Warner/DC não perca tempo e dê um jeito nisso logo.

Arraia Negra, o filme?

Entre os desafios enfrentados pelo Aquaman no cinema, está a ameaça do Arraia Negra. Interpretado por Yahya Abdul-Mateen II, o vilão apareceu pouco neste primeiro filme. Em entrevista ao Geeks of Color, o quadrinista Geoff Johns (co-roteirsita de Aquaman) expressou seu desejo por um filme solo protagonizado pelo vilão. Ele contou que fez questão de falar para James Wan que o Arraia tinha que estar no filme. Esta é uma noticia no minimo curiosa, ainda mais se levarmos em conta que a Warner/DC irá lançar este ano um filme protagonizado pelo Coringa. Será que vai dar certo?

Marcus é redator no site Leituraverso e um dos hosts do podcast Leituracast.


Gostou do texto? Gosta de escrever também? Seja um colaborador do PontoJão! Entre em contato conosco pelo Twitter, pelo grupo do Telegram ou mande um e-mail para contato@pontojao.com.br