Coluna | Vira a Página #52 – Pennyworth, outras apostas da DC na tv e retcons da Marvel

Pelo visto, mais um personagem das histórias do Batman ganhará destaque na Tv nos próximos anos. O site Geeks WorldWide divulgou mais detalhes sobre “Pennyworth”, uma série que será focada no mordomo de Bruce Wayne. Segundo a noticia, a série mostrará um jovem Alfred, após seus nove anos no exército britânico, cuja personalidade pode ser descrita como egocêntrica e sarcástica. Não só isso como também será responsável por raptar um jovem Thomas Wayne para um desconhecido vilão, pelo que revelam as fitas vazadas (e apagadas) de teste de elenco com o ator Tom Brittney (Outlander, UnREAL). De certo modo, “Pennyworth” será algo parecido com o que Gotham já faz há anos na Fox e que pode dar muito certo ou errado. O interessante é que, nesse caso, haverá até mais liberdade criativa. Isto é, caso os produtores não resolvam apresentar personagens do universo do Batman antes do nascimento do mesmo.

Leia também:

pennyworth

Ainda no universo televisivo da DC, temos a já confirmada a data de lançamento do DC Universe. O serviço de streaming de séries, filmes, desenhos e quadrinhos da DC Comics chega ao mercado norte-americano em 15 de setembro, no mesmo dia em que ocorre o “Batman Day”. Algumas séries serão exclusivas do canal como “Patrulha do Destino”, “Monstro do Pântano”, “Arlequina” e “Justiça Jovem”. “Titãs” estreará em 12 de outubro. Inclusive, vale lembrar que o primeiro teaser com o grupo de heróis gerou polêmica rapidamente por um palavrão dito pelo primeiro Robin (Dick Grayson). Muito pouco pode ser dito sobre essa série além de toda a polêmica envolvida com a prévia e com o visual da Estelar, algo que motivou infelizes ataques racistas na internet. A única certeza sobre este serviço é que a DC tem apostado muito mais na tv do que no cinema, tendo em vista o resultados de bilheteria após filmes como “Liga da Justiça” e “Batman VS Superman: A Origem da Justiça“.

Falando em apostas, outra editora que tem feito muito isso é a Marvel. A Casa das Ideias tem divulgado novidades sobre “Venom” que tem deixado os fãs muito intrigados. Na edição 5 de sua revista solo, por exemplo, em uma história com o Homem-Aranha Miles Morales, descobrimos um novo poder do simbionte: a habilidade de voar. Em uma história curta, “Web of Venom: Ve’nam”, é revelado que outros simbiontes já estiveram em nosso planeta durante a Guerra do Vietnã. Alguns deles, inclusive, se envolveram com o Wolverine. Isto muda o que conhecíamos sobre o personagem já que, como muitos fãs do Homem-Aranha lembram, o mesmo foi introduzido durante a saga “Guerras Secretas” (1984) em outro planeta. Ou seja, além de mudar o que conhecíamos sobre o vilão/anti-herói, agora temos esta relação inusitada com o mutante mais famoso e onipresente da editora. Estes retcons nem sempre são bem-vindos, podendo resultar em coisas bem esquecíveis. Fica a torcida para que haja uma boa história por trás disso tudo.

Outro retcon que está sendo feito é com o homem-aranha Miles Morales. Desde “Guerras Secretas” (2015) o personagem foi inserido no universo regular 616 da Marvel, no entanto, sua origem está sendo modificada. É o que revela a primeira edição de “Spider-Man Annual”, onde descobrimos através de um flashback de Miles que o mesmo havia decidido se tornar herói após perder um amigo durante a saga “Invasão Secreta”. O detalhe para quem se lembra da história “original” é que no Universo Ultimate nunca ocorreu a saga com a invasão dos Skrulls. Portanto, mais uma vez a Marvel está brincando com as nossas memórias e mudando tudo o que sabíamos até então de seus personagens. Fica a pergunta: onde isso vai parar? E a resposta é: Nunca, o céu é o limite nesse caso!

 

 


Marcus é redator no site Leituraverso e um dos hosts do podcast Leituracast.


Gostou do texto? Gosta de escrever também? Seja um colaborador do PontoJão! Entre em contato conosco pelo Twitter, pelo grupo do Telegram ou mande um e-mail para contato@pontojao.com.br

The following two tabs change content below.